Diário O Município

WhatsApp Image 2024-05-23 at 16.08.37
D ITALIA 1200 X 300
Capa 3 - 825px X 200px - Podcast
SUNSET 1200 X 300
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
Shadow

Em vigor desde abril de 2021, as diretrizes da “Lei da Cadeirinha” podem causar dúvidas na hora de transportar crianças no bebê conforto, cadeirinha ou assento de elevação. Portanto, é importante que os pais e responsáveis fiquem atentos e busquem garantir a segurança dos pequenos.
De acordo com a Resolução 277 do Conselho Nacional de Trânsito, crianças de até um ano devem ser transportadas no bebê conforto; de um a quatro anos, na cadeirinha; de quatro a sete anos e meio, no assento de elevação; de sete e meio a 10 anos, com cinto de segurança no banco traseiro; e a partir dos 10 anos e com mais de 1,45m de altura, podem ser transportadas no banco dianteiro, sempre utilizando o cinto de segurança.
Os motoristas flagrados desrespeitando essas condições recebem multa (infração gravíssima) e podem até ter o veículo apreendido até que a irregularidade seja corrigida.
Os dispositivos são projetados para reduzir o risco de morte e lesões graves em caso de colisões ou freadas bruscas. A taxa de redução de mortes, quando os dispositivos são corretamente instalados e usados, é de 71%.
Em veículos de transporte coletivo, como ônibus, vans escolares, veículos de aluguel, táxis e carros com peso bruto acima de 3,5 toneladas, podem haver exceções às exigências.
Em caso de dúvidas sobre a legislação ou sobre como instalar os equipamentos de segurança corretamente, a Star Proteção Veicular está à disposição em seus canais de atendimento oficiais. A Star é a maior proteção do Sul do Brasil e tem como uma de suas missões zelar pelo associado e sua família.