Diário O Município

D ITALIA 1200 X 300
Capa 3 - 825px X 200px - Podcast
SUNSET 1200 X 300
previous arrowprevious arrow
next arrownext arrow
Shadow

A Secretaria de Pesca e Agricultura de Laguna realizou uma ação de limpeza e revitalização de uma área pesqueira e portuária do Farol de Santa Marta. A ação foi realizada em parceria com os colaboradores da Fundação Irmã Vera. A primeira etapa dessa iniciativa consiste na remoção manual de matérias e entulhos que se acumulam nas áreas próximas aos portos, a fim de proporcionar um ambiente mais limpo e seguro para os pescadores e demais trabalhadores do local.
A limpeza manual é uma estratégia inicial que busca eliminar resíduos e detritos que prejudicam não apenas a estética do ambiente, mas também a funcionalidade dos portos. “Ao retirar esses materiais, a secretaria busca melhorar as condições de trabalho e otimizar as operações de pesca, especialmente durante a fase da safra da tainha, período importante para a economia local”, destacou o Secretário de Pesca e Agricultura, Dener Vieira.
Após a conclusão da primeira etapa de limpeza, o projeto passará por uma fase de aprovação nos órgãos ambientais competentes, visando garantir a conformidade das ações planejadas com as leis e regulamentações de proteção ao meio ambiente. Uma vez obtida a aprovação necessária, será realizada a segunda etapa do projeto, focada na revitalização das áreas afetadas.
A revitalização contemplará o plantio de mudas de espécies nativas e o cercamento das áreas que possuem vegetação, dunas e outras regiões protegidas por lei. Essas medidas visam restaurar e preservar a biodiversidade local, bem como promover a recuperação dos ecossistemas naturais presentes nas imediações dos portos.
“Ao unir esforços para realizar essa ação de limpeza e revitalização, a Secretaria de Pesca e Agricultura demonstra seu compromisso com a sustentabilidade e a conservação ambiental. Além de contribuir para a proteção da natureza, o projeto visa melhorar as condições de trabalho dos profissionais da pesca e fortalecer a economia local, especialmente durante a safra da tainha”, ressaltou o secretário.